Logo do Site - Banco de Questões
Continua após a publicidade..

(IFMT/2018) Observe a charge da cartunista Laerte.

Disponível em: https://imagohistoria.blogspot.com.br/2017/11/charges-historicas-brasil-colonia.html

A partir da análise da charge, e levando em consideração os seus conhecimentos sobre o “descobrimento do Brasil”, escolha a alternativa INCORRETA.

Continua após a publicidade..

Resposta:

A única que está incorreta é a letra E

Eu posso ajudá-lo com a sua questão sobre o “descobrimento do Brasil”. A charge da cartunista Laerte faz uma sátira ao impacto da chegada dos portugueses ao território que hoje é o Brasil, mostrando a reação de um indígena que percebe que seu sonho da casa própria foi frustrado. A charge se baseia em alguns fatos históricos, como:

  • A esquadra portuguesa comandada por Pedro Álvares Cabral aportou em terras brasileiras em 22 de abril de 1500, avistando o Monte Pascoal na Bahia.
  • A primeira menção documental sobre os grupos nativos que habitavam o território brasileiro foi escrita por Pero Vaz de Caminha, cronista que acompanhou a viagem comandada por Cabral. Em sua carta ao rei de Portugal, ele descreveu os indígenas como “pardos, nus, sem coisa alguma que lhes cobrisse suas vergonhas”.
  • O contato com os europeus foi uma das causas do genocídio de grupos indígenas que não tinham imunidade contra a gripe, a tuberculose e a sífilis, doenças que, antes da chegada dos europeus ao Novo Mundo, não existiam na América.
  • A colonização portuguesa implicou na tomada da posse da terra dos nativos, que foram explorados, escravizados, catequizados e exterminados pelos colonizadores.

Dentre as alternativas apresentadas, a única que está incorreta é a letra E, pois a charge não evidencia a raiva e indignação do indígena diante da ocupação de seu território, mas sim o seu desânimo e resignação. A expressão facial do indígena, bem como o uso da sigla EOM (Era uma vez o meu), sugerem que ele já aceitou o seu destino de perder a sua terra e o seu sonho. Portanto, a charge apresenta um humor irônico e não crítico, como está escrito no item C.

Continua após a publicidade..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continua após a publicidade..