Logo do Site - Banco de Questões

Questões Sobre Conotação e Denotação - Português - 1º ano do ensino médio

Continua após a publicidade..

1) As frases abaixo encontram-se na linguagem conotativa, ou seja, figurada. Reescreva-as, passando-as para a linguagem denotativa.

A) Devemos apertar o cinto, pois estamos com pouco dinheiro.

B)  O que você falou não tem pé nem cabeça.

C)  A fome é um pesadelo que assusta muitos brasileiros.

D)  Após receber a notícia, ele ficou com o coração na mão.

E)  A aula está voando.

FAZER COMENTÁRIO

A) Devemos apertar o cinto, pois estamos com pouco dinheiro.

Reescrita denotativa: Devemos economizar, pois estamos com pouco dinheiro.

Explicação: A frase original usa a expressão “apertar o cinto” no sentido figurado, para indicar que devemos economizar. No sentido denotativo, “apertar o cinto” significa apertar a correia do cinto, o que é feito para reduzir o tamanho da cintura.

B) O que você falou não tem pé nem cabeça.

Reescrita denotativa: O que você falou não faz sentido.

Explicação: A frase original usa a expressão “não tem pé nem cabeça” no sentido figurado, para indicar que algo não faz sentido. No sentido denotativo, “não ter pé nem cabeça” significa não ter uma base ou fundamento.

C) A fome é um pesadelo que assusta muitos brasileiros.

Reescrita denotativa: A fome é uma situação de privação alimentar que causa sofrimento a muitas pessoas no Brasil.

Explicação: A frase original usa a expressão “pesadelo” no sentido figurado, para indicar que a fome é uma situação muito ruim. No sentido denotativo, “pesadelo” é um sonho ruim que causa medo.

D) Após receber a notícia, ele ficou com o coração na mão.

Reescrita denotativa: Após receber a notícia, ele ficou muito preocupado.

Explicação: A frase original usa a expressão “coração na mão” no sentido figurado, para indicar que alguém está muito preocupado. No sentido denotativo, “coração na mão” significa que o coração está pulsando muito forte, devido à ansiedade ou medo.

E) A aula está voando.

Reescrita denotativa: A aula está passando muito rápido.

Explicação: A frase original usa a expressão “voando” no sentido figurado, para indicar que algo está passando muito rápido. No sentido denotativo, “voando” significa se mover pelo ar.

Continua após a publicidade..

2) (IFTM 2015) Analise as sentenças a seguir:

I. O marido perdeu a cabeça; agrediu a esposa violentamente;

II. O garoto levado caiu e machucou a cara;

III. Os alunos quebraram a cara, pois não estudaram para a prova;

IV. Os dois garotos perderam a linha e se atracaram furiosamente;

V. Você vai cair do cavalo, se não trabalhar corretamente.

A respeito dos significados denotativos e conotativos das sentenças acima, assinale a alternativa que, respectivamente, relaciona esses significados:

  • A) Denotativo, Denotativo, Conotativo, Denotativo, Conotativo;
  • B) Conotativo, Conotativo, Denotativo, Denotativo, Denotativo;
  • C) Denotativo, Conotativo, Denotativo, Conotativo, Denotativo;
  • D) Conotativo, Denotativo, Conotativo, Conotativo, Conotativo.
  • E) Conotativo, Conotativo, Conotativo, Conotativo, Conotativo.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é a letra D) Conotativo, Denotativo, Conotativo, Conotativo, Conotativo.

A letra D é a alternativa correta, pois a ordem de classificação das sentenças é a seguinte:

Sentença conotativa
Sentença denotativa
Sentença conotativa
Sentença conotativa
Sentença conotativa

A diferença entre conotação e denotação:

  • Um termo denotativo possui um significado literal da palavra, ou seja, remete ao sentido original da palavra.
  • Um termo conotativo transmite um sentido figurado, ou seja, possui um significado diferente do original.

Aqui está a compreensão de cada termo no enunciado e a classificação correta:

  • Conotativo: “Perder a cabeça” é um sentido figurado, pois não se refere à perda da parte física do corpo, mas sim à perda de controle emocional.
  • Denotativo: A palavra “cara” é usada em seu sentido original, significando o rosto, e a queda machucou o rosto de forma direta.
  • Conotativo: “Quebrar a cara” não se refere à quebra do rosto, mas sim à surpresa e desapontamento ao não estar preparado para a prova. Portanto, é um sentido figurado.
  • Conotativo: “Perder a linha” não se refere a perder um fio ou corda, mas sim a perder o controle emocional, sendo um sentido figurado.
  • Conotativo: “Cair do cavalo” não se refere a cair literalmente de um cavalo, mas sim a sofrer consequências negativas, sendo um sentido figurado.

3) (ENEM-2001) Nas conversas diárias, utiliza-se freqüentemente a palavra “próprio” e ela se ajusta a várias situações. Leia os exemplos de diálogos:

I – A Vera se veste diferente!
– É mesmo, é que ela tem um estilo próprio.
II – A Lena já viu esse filme uma dezena de vezes! Eu não consigo ver o que ele tem de tão maravilhoso assim.
– É que ele é próprio para adolescente.
III – Dora, o que eu faço? Ando tão preocupada com o Fabinho! Meu filho está impossível!
– Relaxa, Tânia! É próprio da idade. Com o tempo, ele se acomoda

Nas ocorrências I, II e III, “próprio” é sinônimo de, respectivamente,

  • A) adequado, particular, típico.
  • B) peculiar, adequado, característico.
  • C) conveniente, adequado, particular.
  • D) adequado, exclusivo, conveniente.
  • E) peculiar, exclusivo, característico.
FAZER COMENTÁRIO

A resposta correta é B) peculiar, adequado, característico.

Nas ocorrências I, II e III, a palavra “próprio” tem o sentido de peculiar.

Em (I), a palavra “próprio” significa que o estilo de Vera é característico dela, ou seja, é diferente do estilo de outras pessoas.

Em (II), a palavra “próprio” significa que o filme é adequado para adolescentes, pois trata de temas que são comuns a essa faixa etária.

Em (III), a palavra “próprio” significa que o comportamento de Fabinho é típico da idade dele, ou seja, é esperado que crianças nessa idade sejam agitadas e indisciplinadas.

Continua após a publicidade..

4) (FGV-2001) “Minha memória não se desgrudava daquela cena e meu olhar apagava a paisagem ao meu redor.”

Escreva a seguir as palavras dessa frase que têm sentido conotativo. Explique.

FAZER COMENTÁRIO

Palavras com sentido conotativo:

  • “Memória não se desgrudava” – “desgrudava” tem sentido conotativo porque sugere que a memória estava muito apegada àquela cena. No sentido denotativo, “desgrudar” significa “se soltar”.
  • “Apagava a paisagem ao meu redor” – “apagava” tem sentido conotativo porque sugere que o olhar estava tão focado naquela cena que não conseguia enxergar nada mais. No sentido denotativo, “apagar” significa “tornar-se invisível”.

Explicação:

  • “Memória não se desgrudava” – No sentido denotativo, “desgrudar” significa “se soltar”. No entanto, no contexto da frase, a palavra sugere que a memória estava muito apegada àquela cena. Isso porque o narrador diz que sua memória “não se desgrudava” daquela cena. Isso significa que a memória estava tão focada naquela cena que não conseguia se desligar dela.
  • “Apagava a paisagem ao meu redor” – No sentido denotativo, “apagar” significa “tornar-se invisível”. No entanto, no contexto da frase, a palavra sugere que o olhar estava tão focado naquela cena que não conseguia enxergar nada mais. Isso porque o narrador diz que seu olhar “apagava a paisagem ao seu redor”. Isso significa que o olhar estava tão concentrado naquela cena que não conseguia enxergar nada mais que estivesse ao seu redor.

5) (ENEM-2005) O termo (ou expressão) destacado que está empregado em seu sentido próprio, denotativo ocorre em:

  • A) “(….)
    É de laço e de nó
    De gibeira o jiló
    Dessa vida, cumprida a sol (….)”
    (Renato Teixeira. Romaria. Kuarup Discos. setembro de
    1992.)
  • B) “Protegendo os inocentes
    é que Deus, sábio demais,
    põe cenários diferentes
    nas impressões digitais.”
    (Maria N. S. Carvalho. Evangelho da Trova. /s.n.b.)
  • C) “O dicionário-padrão da língua e os dicionários unilíngües são os tipos mais comuns de dicionários. Em nossos dias, eles se tornaram um objeto de consumo obrigatório para as nações civilizadas e desenvolvidas.” (Maria T. Camargo Biderman. O dicionário-padrão da língua. Alfa (28), 2743, 1974 Supl.)
  • D)
    Questão do ENEM sobre o assunto de linguagem Conotativa e Denotativa
  • E) “Humorismo é a arte de fazer cócegas no raciocínio dos outros. Há duas espécies de humorismo: o trágico e o
    cômico. O trágico é o que não consegue fazer rir; o cômico é o que é verdadeiramente trágico para se fazer.” (Leon Eliachar. www.mercadolivre.com.br &<http://www.mercadolivre.com.br>. acessado em julho de 2005.
FAZER COMENTÁRIO

A resposta correta é C) “O dicionário-padrão da língua e os dicionários unilíngües são os tipos mais comuns de dicionários. Em nossos dias, eles se tornaram um objeto de consumo obrigatório para as nações civilizadas e desenvolvidas.”

A expressão “dicionário-padrão” está empregada em seu sentido próprio, denotativo, no texto. No contexto do texto, a expressão está empregada no sentido próprio, pois o texto está afirmando que os dicionários-padrão são os tipos mais comuns de dicionários.

Nas demais opções, as palavras ou expressões destacadas estão empregadas em sentido figurado, conotativo:

  • Em (A), a expressão “cumprida a sol” está empregada em sentido figurado, significando “vivida com dificuldade”.
  • Em (B), a expressão “cenários” está empregada em sentido figurado, significando “marcas”.
  • Em (D), a palavra “bateria” está empregada em sentido figurado, significando “capacidade de energia”.
  • Em (E), a expressão “fazer cócegas no raciocínio” está empregada em sentido figurado, significando “fazer rir”.
Continua após a publicidade..