Logo do Site - Banco de Questões
Continua após a publicidade..

A respeito da violência psicológica praticada contra crianças e adolescentes e das intervenções baseadas no modelo ecológico, julgue o item seguinte.

 

A análise diagnóstica para a identificação de casos de violência psicológica contra criança no âmbito intrafamiliar é feita mediante avaliação da dinâmica familiar e dos tipos de interações identificadas no meio familiar.

Continua após a publicidade..

Resposta:

A alternativa correta é letra A) Certo

Gabarito Item Certo

 

A respeito da violência psicológica praticada contra crianças e adolescentes e das intervenções baseadas no modelo ecológico, julgue o item seguinte.

 

A análise diagnóstica para a identificação de casos de violência psicológica contra criança no âmbito intrafamiliar é feita mediante avaliação da dinâmica familiar e dos tipos de interações identificadas no meio familiar.

 

Correto! A análise da dinâmica familiar e dos tipos de interações desenvolvidas faz parte da análise do microssistema, e é de suma importância nesses casos. Sobre o assunto, Amazarray e Koller (1999) trazem:

 

“Nesse sentido, Koller (no prelo) afirma que, na avaliação dos casos de violência, devem ser considerados os fatores de risco e de proteção presentes nos diversos níveis ecológicos que interagem no desenvolvimento da criança (nível da pessoa, microssistema, exossitema e macrossistema). Assim sendo, os profissionais que lidam com casos de abuso sexual infantil devem estar atentos não só aos sintomas, mas principalmente às causas do ato abusivo.

 

O microssistema analisa especificamente as relações intrafamiliares e seus subsistemas (subsistema conjugal, subsistema pais-filhos, etc.). O exossistema analisa a influência do trabalho dos pais e do grupo social de que a família faz parte. O macrossistema considera as crenças culturais e os valores que influenciam o micro e o exossistema. Por fim, o desenvolvimento ontogenético diz respeito às diferenças individuais que os pais trazem de suas histórias de vida para o microssistema familiar (Belsky, 1980).

 

Assim sendo, deve-se levar em consideração histórias de negligência, abuso físico e sexual na infância de ambos os pais, o desenvolvimento de sua socialização, a prática com a paternidade, o conhecimento do timing do desenvolvimento, bem como as mudanças radicais de vida pelas quais passaram. Pais abusadores freqüentemente apresentam histórias de maus-tratos em sua infância e ignorância em relação ao cuidado dos filhos (Belsky, 1980).

 

A análise do microssistema no abuso intrafamiliar é de suma importância, visto que a criança desenvolve-se dentro da família. A dinâmica é de interação: os pais influenciam a criança, assim como a criança influencia seus pais. A criança é vista, de certa forma, como participante de seu próprio abuso (Belsky, 1980; Furniss, 1993). Entretanto, isso não significa que ela seja responsável pelo ato abusivo (Furniss, 1993).”

 

Referência

AMAZARRAY, Mayte Raya. KOLLER, Silvia Helena. Alguns aspectos observados no desenvolvimento de crianças vítimas de abuso sexual. Porto Alegre: Psicologia: reflexão e crítica, Vol 11 n° 3, 1998.

Continua após a publicidade..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continua após a publicidade..