Logo do Site - Banco de Questões
Continua após a publicidade..

(Cesgranrio)Durante a Revolução Francesa, a radicalização, típica da “Época da Convenção” (1792-5), caracteriza-se pela:

Continua após a publicidade..

Resposta:

A alternativa correta é a letra D).

A “Época da Convenção” foi o período mais radical da Revolução Francesa, marcado pela ascensão dos jacobinos ao poder, liderados por Robespierre. Nesse período, foram adotadas medidas como:

  • A criação de tribunais revolucionários para julgar e condenar os inimigos da revolução, especialmente os nobres, os clérigos e os girondinos. Esse período ficou conhecido como o “Terror”, pois milhares de pessoas foram guilhotinadas.
  • A abolição dos direitos senhoriais, que eram as obrigações e tributos que os camponeses deviam aos senhores feudais. Essa medida visava agradar a massa popular e garantir o apoio dos camponeses à revolução.
  • A promulgação da “Constituição do Ano I”, que estabelecia o sufrágio universal masculino, a igualdade jurídica entre os cidadãos, a liberdade de expressão, de imprensa e de culto, e a soberania popular. Essa constituição, porém, nunca foi aplicada, pois os jacobinos alegavam que a França estava em guerra e precisava de um governo forte e centralizado.
  • A instituição do calendário republicano, que substituía o calendário gregoriano e eliminava as referências cristãs. O ano era dividido em 12 meses de 30 dias cada, com nomes relacionados à natureza, como Vendemiário (mês da vindima) ou Germinal (mês da germinação). Cada mês era dividido em três décadas de 10 dias cada, sendo o décimo dia dedicado ao descanso. Os dias da semana também recebiam nomes novos, como Primidi, Duodi, Tridi, etc.
  • A implantação do culto à Razão e ao Ser Supremo, que eram formas de substituir o cristianismo por uma religião civil baseada nos princípios iluministas. O culto à Razão celebrava a racionalidade humana e a liberdade, enquanto o culto ao Ser Supremo exaltava a existência de um deus criador e a virtude cívica.

As outras alternativas se referem a outros momentos da Revolução Francesa, como:

  • A promulgação da “Declaração Universal dos Direitos do Homem”, que ocorreu em 1789, durante a Assembleia Nacional Constituinte.
  • A aprovação da “constituição civil do clero” por Luiz XVI, que ocorreu em 1790, também durante a Assembleia Nacional Constituinte.
  • A instituição do Diretório, que foi o regime político e social de caráter democrático que sucedeu a Convenção, em 1795.
  • A pacificação da Europa, que foi uma consequência das vitórias militares de Napoleão Bonaparte, que se tornou o líder da França após o golpe de 18 de Brumário, em 1799.
Continua após a publicidade..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continua após a publicidade..