Logo do Site - Banco de Questões
Continua após a publicidade..

(Fuvest) Na Primeira República, o processo de industrialização no Brasil sofreu sensível impulso com:

Continua após a publicidade..

Resposta:

A alternativa correta é a letra C.

O desencadear da Primeira Guerra Mundial (1914-1918) foi um fator que impulsionou a industrialização no Brasil, pois dificultou a importação de produtos manufaturados da Europa, estimulando a produção nacional.

As outras alternativas estão incorretas, pois:

  • A) A política de valorização do café, definida pelo Convênio de Taubaté em 1906, visava garantir os preços e o mercado externo para o principal produto de exportação brasileiro na época. Essa política beneficiava os cafeicultores, mas não favorecia a industrialização.
  • B) A política protecionista, que consistia em aumentar as tarifas alfandegárias sobre os produtos importados, foi adotada em 1844, com a Tarifa Alves Branco, e não na Primeira República. Essa política favoreceu o surgimento das primeiras indústrias no Brasil, mas não impediu o estabelecimento de empresas estrangeiras no país.
  • D) A “Comissão Verificadora” foi um órgão criado em 1901, durante o governo de Campos Sales, para fiscalizar as contas públicas e as dívidas externas do Brasil. Essa comissão estava vinculada ao Funding Loan, um empréstimo concedido pelos credores internacionais ao Brasil em troca de medidas de ajuste fiscal. Essa comissão não tinha relação direta com a industrialização ou com a entrada de manufaturas no Brasil.
  • E) A criação do Ministério da Indústria e Comércio ocorreu em 1909, durante o governo de Nilo Peçanha, e foi ocupado por Rui Barbosa até 1910. Esse ministério tinha como objetivo incentivar o desenvolvimento industrial e comercial do país, mas não teve um impacto significativo na industrialização brasileira.
Continua após a publicidade..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continua após a publicidade..