Logo do Site - Banco de Questões

Questões Sobre Histologia: Tecido Muscular - Biologia - 1º ano do ensino médio

1) (UECE) Após um esforço muscular intenso, é comum sentir-se muitas dores musculares. Essas dores, que desaparecem gradativamente, são ocasionadas pelo acúmulo na musculatura de

  • A) ATP.
  • B) glicogênio.
  • C) creatina fosfato.
  • D) ácido láctico.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra D)

O ácido láctico é um produto da fermentação láctica, um processo anaeróbio que ocorre nos músculos quando há falta de oxigênio. O acúmulo de ácido láctico nos músculos causa fadiga e dor muscular, que são aliviadas quando o ácido é removido pela circulação sanguínea e metabolizado no fígado.

As outras alternativas estão incorretas pelas seguintes razões:

  • A alternativa A) está errada porque o ATP é a molécula que fornece energia para a contração muscular. O ATP não se acumula nos músculos, mas é consumido durante o exercício.
  • A alternativa B) está errada porque o glicogênio é uma molécula de reserva energética dos músculos e do fígado. O glicogênio não se acumula nos músculos, mas é quebrado em glicose para gerar ATP.
  • A alternativa C) está errada porque a creatina fosfato é uma molécula que armazena energia nos músculos. Ela doa um grupo fosfato de alta energia para o ADP, formando ATP. A creatina fosfato não se acumula nos músculos, mas é usada rapidamente na ausência de oxigênio.
Continua após a publicidade..

2) (UCPEL) Entre os tecidos animais, há um cuja evolução foi fundamental para o sucesso evolutivo dos seres heterotróficos. O tipo de tecido em questão e sua importância é o

  • A) tecido nervoso que permitiu coordenar as diferentes partes do corpo dos animais, por ser um tecido de ação lenta.
  • B) tecido epitelial queratinizado, pois facilitou a desidratação ao impermeabilizar a pele dos animais.
  • C) tecido conjuntivo ósseo que permitiu a formação de carapaças externas protetoras para todos os animais, por ser muito rígido.
  • D) tecido sanguíneo, pois permitiu o transporte de substâncias dentro do corpo do animal, por ser um tecido rico em fibras colágenas e elásticas.
  • E) tecido muscular, pois permitiu a locomoção eficiente para a predação e fuga, por ser um tecido contrátil.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra E)

O tecido muscular é formado por células alongadas e especializadas na contração, que permitem o movimento do corpo e de alguns órgãos internos. O tecido muscular pode ser classificado em três tipos: esquelético, cardíaco e liso, cada um com características e funções específicas.

O tecido muscular esquelético está associado aos ossos e permite a locomoção voluntária do corpo. O tecido muscular cardíaco forma o miocárdio, a camada muscular do coração, e é responsável pelo bombeamento do sangue. O tecido muscular liso está presente em diversos órgãos, como o estômago, o intestino, o útero, etc., e permite a movimentação involuntária de substâncias dentro desses órgãos.

A evolução do tecido muscular foi fundamental para o sucesso dos seres heterotróficos, pois possibilitou a locomoção eficiente para a predação e fuga, além de facilitar a digestão, a circulação, a respiração, a reprodução, entre outras funções vitais.

As outras alternativas estão incorretas, pois apresentam informações falsas ou contraditórias sobre os tecidos animais. Vejamos:

  • A alternativa A) está incorreta, pois o tecido nervoso é um tecido de ação rápida, que permite a transmissão de impulsos elétricos entre as células nervosas, coordenando as atividades do corpo.
  • A alternativa B) está incorreta, pois o tecido epitelial queratinizado dificultou a desidratação ao impermeabilizar a pele dos animais, principalmente dos terrestres, evitando a perda excessiva de água.
  • A alternativa C) está incorreta, pois o tecido conjuntivo ósseo não permitiu a formação de carapaças externas protetoras para todos os animais, mas apenas para alguns grupos, como os moluscos, os artrópodes e os quelônios. Além disso, o tecido ósseo é mais comum na formação de esqueletos internos, como nos vertebrados.
  • A alternativa D) está incorreta, pois o tecido sanguíneo é um tecido pobre em fibras colágenas e elásticas, que são mais abundantes em outros tipos de tecido conjuntivo, como o adiposo, o cartilaginoso e o ósseo.

3) (UFN) Considere os tipos de fibras musculares e as ações a seguir:

  • A) I a – II b – III c
  • B) I a – II c – III b
  • C) I b – II a – III c
  • D) I c – II a – III c
  • E) I c – II b – III a
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra E)

As fibras musculares cardíacas são responsáveis pelo batimento do coração, que é um movimento involuntário e rápido. As fibras musculares estriadas são encontradas nos músculos esqueléticos, que são controlados pela vontade e podem se contrair de forma vigorosa. As fibras musculares lisas são encontradas nos órgãos internos, como o estômago e o intestino, que realizam movimentos involuntários e lentos.

Continua após a publicidade..

4) Na parede do estômago, no bíceps e nas paredes das artérias encontramos tecidos musculares, respectivamente, na parede do estômago, no bíceps e nas paredes das artérias encontramos tecidos musculares, respectivamente,

  • A) dos tipos liso, estriado esquelético e liso.
  • B) dos tipos estriado esquelético, liso e liso.
  • C) dos tipos estriado esquelético, estriado esquelético e liso.
  • D) do tipo estriado esquelético, estriado esquelético e estriado esquelético.
  • E) do tipo liso, liso e liso
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra A)

O tecido muscular liso é encontrado nas paredes dos órgãos internos, como o estômago e as artérias, e é responsável por movimentos involuntários, como a contração e o relaxamento desses órgãos.

O tecido muscular estriado esquelético é encontrado nos músculos que se ligam aos ossos, como o bíceps, e é responsável por movimentos voluntários, como a flexão e a extensão dos membros.

O tecido muscular estriado cardíaco é encontrado apenas no coração e é responsável pelo batimento cardíaco, que é um movimento involuntário e rítmico.

5) (PUC-PR) Um músculo é um motor capaz de converter energia química em energia mecânica. É uma estrutura de natureza singular, pois nenhum motor artificial foi projetado com a incrível versatilidade de um músculo vivo.

  • A) A fosfocreatina é uma molécula de reserva energética dos músculos, a qual, durante o exercício, fornece grupamentos fosfato de alta energia para o ADP ser convertido em ATP.
  • B) Os músculos esqueléticos constituem a maior parte da musculatura corporal, inclusive estão presentes nas paredes dos vasos sanguíneos contraindo ou relaxando veias e artérias.
  • C) Os músculos lisos apresentam no interior de suas células estruturas contráteis que se repetem, os sarcômeros, os quais compõem as miofibrilas.
  • D) As células musculares cardíacas maduras têm grande capacidade mitótica para promover a regeneração das áreas lesionadas do miocárdio.
  • E) A inervação no músculo liso pode ser voluntária ou involuntária.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra A)

A fosfocreatina é uma molécula que armazena energia nos músculos esqueléticos e cardíacos. Ela doa um grupo fosfato de alta energia para o ADP, formando ATP, que é usado na contração muscular. Esse processo é rápido e ocorre na ausência de oxigênio.

As outras alternativas estão incorretas pelas seguintes razões:

  • A alternativa B) está errada porque os músculos esqueléticos são os que se ligam aos ossos e são controlados voluntariamente. Os músculos que estão presentes nas paredes dos vasos sanguíneos são os músculos lisos, que são controlados involuntariamente.
  • A alternativa C) está errada porque os músculos lisos não apresentam sarcômeros, que são as unidades funcionais das miofibrilas. Os músculos lisos têm uma organização diferente das proteínas contráteis, que formam filamentos finos e grossos que se entrelaçam.
  • A alternativa D) está errada porque as células musculares cardíacas maduras têm pouca ou nenhuma capacidade mitótica, ou seja, não se dividem. Por isso, as áreas lesionadas do miocárdio não se regeneram, mas são substituídas por tecido cicatricial.
  • A alternativa E) está errada porque a inervação no músculo liso é sempre involuntária, ou seja, não depende da vontade do indivíduo. O músculo liso é controlado pelo sistema nervoso autônomo, que regula as funções vitais, como a pressão arterial, a digestão e a respiração.
Continua após a publicidade..

6) (UECE) Analise as afirmações a seguir:

I. Os discos intercalares são as junções do tipo gap, apresentadas pelas células musculares estriadas cardíacas nas ramificações de conexão com as células vizinhas.

II. O tecido muscular cardíaco é de natureza lisa porque sua contração é involuntária.

III. A musculatura lisa é encontrada em órgãos viscerais como o estômago e o intestino, daí sua denominação de tecido muscular visceral.

É correto o que se afirma em:

  • A) I e II, apenas.
  • B) I e III, apenas.
  • C) II e III, apenas.
  • D) I, II e III.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra B)

Apenas as afirmações I e III estão corretas, pois:

  • I. Os discos intercalares são estruturas especializadas que unem as células musculares estriadas cardíacas, formando o tecido muscular cardíaco. Eles possuem junções do tipo gap, que são canais que permitem a passagem de íons e moléculas entre as células, facilitando a comunicação e a sincronização dos batimentos cardíacos.
  • III. A musculatura lisa é formada por células fusiformes, sem estriações, que se contraem de forma involuntária e lenta. Ela é encontrada nas paredes dos órgãos viscerais, como o estômago, o intestino, o útero, as artérias, etc. Por isso, ela também é chamada de tecido muscular visceral.

A afirmação II está incorreta, pois:

  • II. O tecido muscular cardíaco não é de natureza lisa, mas sim estriada, como já explicado na afirmação I. A contração involuntária do tecido muscular cardíaco não depende do tipo de estriação, mas sim do controle do sistema nervoso autônomo, que regula as funções vitais do organismo.

7) (PUC-PR) Os músculos são encontrados ao longo do corpo, desde membros superiores, inferiores, até em órgãos como estômago, coração, pulmão, entre outros. Sobre a estrutura desses tecidos e suas características, marque a alternativa CORRETA.

  • A) As células musculares lisas apresentam uma contração voluntária e rápida, comum nos sistemas digestório e respiratório.
  • B) As altas concentrações de ácido lático no músculo acontecem devido ao repouso intenso de um indivíduo.
  • C) O coração possui células musculares plurinucleadas, de contração voluntária e rápida.
  • D) Toda célula muscular é multinucleada, possui um alto gasto energético, é rica em microfilamentos e, na ausência de oxigênio, produz ácido lático.
  • E) Durante uma contração muscular, os filamentos de actina deslizam sobre os de miosina, contexto em que o cálcio desempenha um importante papel.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra E)

As células musculares podem ser classificadas em três tipos: esqueléticas, cardíacas e lisas. Cada tipo possui características específicas, como o número de núcleos, o tipo de contração e a localização no corpo.

  • As células musculares esqueléticas são multinucleadas, de contração voluntária e rápida, e estão associadas aos ossos, permitindo os movimentos do corpo.
  • As células musculares cardíacas são mononucleadas, de contração involuntária e rápida, e formam o tecido do coração, responsável pelo bombeamento do sangue.
  • As células musculares lisas são mononucleadas, de contração involuntária e lenta, e estão presentes em diversos órgãos internos, como o estômago, o intestino, o útero, etc., auxiliando no transporte e na movimentação de substâncias.

Portanto, as alternativas A), C) e D) estão incorretas, pois apresentam informações erradas sobre os tipos de células musculares.

A alternativa B) também está incorreta, pois as altas concentrações de ácido lático no músculo ocorrem devido à atividade intensa de um indivíduo, que leva à falta de oxigênio nas células musculares. Nesse caso, a glicose é degradada de forma anaeróbica, gerando ácido lático como produto final. Esse ácido causa fadiga e dor muscular, e é posteriormente removido pela circulação sanguínea.

A alternativa E) está correta, pois descreve o mecanismo de contração muscular conhecido como teoria do deslizamento. Nesse processo, os filamentos de actina e miosina, que são proteínas contráteis presentes nas células musculares, interagem entre si, formando pontes cruzadas. Essas pontes se movem, puxando os filamentos de actina em direção ao centro do sarcômero, que é a unidade funcional do músculo. O cálcio é um íon essencial para esse processo, pois ele se liga à troponina, uma proteína que regula a interação entre actina e miosina, permitindo a formação das pontes cruzadas.

Continua após a publicidade..

8) (Ufes) A força humana está relacionada diretamente com os músculos, e, para que estes realizem trabalho, é necessário que ocorra a contração muscular. Sobre os mecanismos envolvidos na contração muscular, pode-se afirmar que:

  • A) a miosina é responsável pela conversão da energia da hidrólise do ATP em movimento, devido à presença dos íons de ferro.
  • B) a quimiossíntese ocorre nas células musculares, onde o ácido pirúvico é transformado em ácido lático, o que garante ATP em situações de emergência.
  • C) o deslizamento durante a contração muscular ocorre quando as cabeças da miosina se prendem firmemente à actina, dobrando-se sobre o resto da molécula da miosina e permanecendo assim indefinidamente.
  • D) o glicogênio armazenado nas células musculares pode ser convertido em ATP por meio de processos de fermentação alcoólica, o que causa dor e intoxicação das fibras musculares.
  • E) a energia obtida do ATP confere à miosina uma configuração instável de alta energia potencial e faz com que ela puxe as fibras de actina, realizando o trabalho.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra E)

A contração muscular envolve o deslizamento dos filamentos de miosina e actina, que formam o sarcômero, a unidade funcional do músculo. A miosina é uma proteína que possui cabeças globulares que se ligam à actina, outra proteína que forma filamentos finos. A energia para essa ligação e movimento é fornecida pelo ATP, que é hidrolisado pela miosina, liberando energia e um fosfato. A energia do ATP faz com que a miosina mude de forma e se ligue à actina, formando uma ponte cruzada. A liberação do fosfato faz com que a miosina puxe a actina, encurtando o sarcômero. A liberação de outro ATP faz com que a miosina se solte da actina e volte à sua forma original, podendo se ligar novamente a outro sítio de ligação. Esse ciclo se repete várias vezes, causando a contração muscular.

As outras alternativas estão incorretas, pois:

  • a) a miosina não depende dos íons de ferro, mas sim dos íons de cálcio, que regulam a exposição dos sítios de ligação na actina.
  • b) a quimiossíntese é um processo de obtenção de energia por alguns organismos que utilizam compostos inorgânicos como doadores de elétrons, não tendo relação com a contração muscular.
  • c) o deslizamento durante a contração muscular é um processo dinâmico, que envolve a formação e a quebra das pontes cruzadas entre miosina e actina, não sendo um estado permanente.
  • d) o glicogênio armazenado nas células musculares pode ser convertido em ATP por meio de processos de glicólise anaeróbica, que produz ácido lático, não álcool. O ácido lático pode causar fadiga e dor muscular, mas não intoxicação.

9) (PUC-MG) São dadas abaixo algumas características de três tipos de tecido muscular animal:

I. Possui apenas um núcleo, com contração relativamente lenta.

II. Apresenta células cilíndricas extremamente longas, multinucleadas, de contração rápida e voluntária.

III. Tem células normalmente mononucleadas, de contrações rápidas e involuntárias, com presença de discos intercalares

As características se referem, respectivamente, aos seguintes tecidos musculares:

  • A) liso, estriado esquelético e estriado cardíaco.
  • B) estriado esquelético, liso e estriado cardíaco.
  • C) estriado cardíaco, liso e estriado esquelético.
  • D) liso, estriado cardíaco e estriado esquelético.
  • E) estriado cardíaco, estriado esquelético e liso.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra A)

Os tecidos musculares são formados por células alongadas e especializadas na contração e relaxamento. Existem três tipos principais de tecido muscular: o liso, o estriado esquelético e o estriado cardíaco. Cada um deles possui características distintas, que podem ser relacionadas com as funções que desempenham no organismo.

O tecido muscular liso é formado por células fusiformes, com apenas um núcleo central. Ele é encontrado nas paredes dos órgãos internos, como o estômago, o intestino, o útero, as artérias, etc. Sua contração é involuntária, ou seja, não depende da vontade do indivíduo, e é relativamente lenta, pois visa a manutenção das funções vitais. Portanto, a característica I se refere ao tecido muscular liso.

O tecido muscular estriado esquelético é formado por células cilíndricas extremamente longas, que podem chegar a vários centímetros de comprimento. Essas células possuem vários núcleos periféricos, que se localizam junto à membrana plasmática. Esse tecido está associado aos ossos do esqueleto, formando os músculos que permitem os movimentos do corpo. Sua contração é voluntária, ou seja, depende da vontade do indivíduo, e é rápida e vigorosa, pois visa a resposta aos estímulos externos. Portanto, a característica II se refere ao tecido muscular estriado esquelético.

O tecido muscular estriado cardíaco é formado por células ramificadas, normalmente mononucleadas, que se unem por meio de estruturas especiais chamadas discos intercalares. Esses discos permitem a comunicação entre as células e a sincronização dos batimentos cardíacos. Esse tecido é encontrado exclusivamente no coração, formando o miocárdio. Sua contração é involuntária, ou seja, não depende da vontade do indivíduo, e é rápida e rítmica, pois visa a circulação do sangue pelo corpo. Portanto, a característica III se refere ao tecido muscular estriado cardíaco.

Assim, a alternativa que relaciona corretamente as características com os tecidos musculares é a letra A), que indica a sequência liso, estriado esquelético e estriado cardíaco.

Continua após a publicidade..

10) (UNICAMP) O tecido muscular cardíaco apresenta fibras

  • A) lisas, de contração voluntária e aeróbia.
  • B) lisas, de contração involuntária e anaeróbia.
  • C) estriadas, de contração voluntária e anaeróbia.
  • D) estriadas, de contração involuntária e aeróbia.
FAZER COMENTÁRIO

A alternativa correta é letra D)

O tecido muscular cardíaco é formado por células estriadas, que possuem bandas claras e escuras alternadas, devido à disposição dos filamentos de actina e miosina, que são as proteínas responsáveis pela contração muscular. Essas células são ramificadas e se unem por meio de discos intercalares, que permitem a comunicação e a sincronização dos batimentos cardíacos. A contração do tecido muscular cardíaco é involuntária, ou seja, não depende da vontade do indivíduo, e é controlada pelo sistema nervoso autônomo. Além disso, o tecido muscular cardíaco é aeróbio, ou seja, utiliza oxigênio para produzir energia (ATP) a partir da glicose, por meio da respiração celular. Essa forma de obtenção de energia é mais eficiente e sustentável do que a anaeróbia, que ocorre na ausência de oxigênio e produz ácido lático, que pode causar fadiga e dor muscular.

As outras alternativas estão incorretas, pois:

  • a) o tecido muscular liso é formado por células lisas, que não possuem estriações, e que são encontradas nas paredes dos órgãos internos, como o estômago, o intestino, o útero, as artérias, etc. Sua contração é involuntária e aeróbia.
  • b) o tecido muscular liso não é anaeróbio, mas sim aeróbio, como já explicado na alternativa anterior.
  • c) o tecido muscular estriado esquelético é formado por células estriadas, que são associadas aos ossos do esqueleto e permitem os movimentos do corpo. Sua contração é voluntária e aeróbia.
1 2